Minha Conta
Acesse sua conta

Destaques em Piscinas
Piscina – Nautilus
  1. Como a manutenção da piscina no inverno evita a água verde

    13/07/2018 12:07

    Está sem tempo para ler este texto? Ouça-o dando play no áudio abaixo! Um dos maiores temores de quem tem uma bela área de lazer é programar um...
    Como a manutenção da piscina no inverno evita a água verde
    Está sem tempo para ler este texto? Ouça-o dando play no áudio abaixo!

    Um dos maiores temores de quem tem uma bela área de lazer é programar um banho de piscina e verificar que a água está verde. Só quem já passou por essa situação sabe como é chato encontrar essa coloração e não poder aproveitar o espaço ou receber convidados para se divertir com a família no momento em que mais se deseja. Esse problema é bastante comum no inverno, quando é fácil acontecer descuido ou esquecimento de cuidar da manutenção da piscina.

    No verão, ela representa um convite para se refrescar e fazer celebrações ao ar livre. Já nos meses mais frios, a tendência é deixá-la de lado até que as roupas de banho sejam bem-vindas novamente.

    Evidentemente, é possível curtir a piscina no inverno, mas a frequência de utilização tende a ser menor - o que não significa que os cuidados com a limpeza e com o tratamento devam ser descontinuados.

    No post de hoje, falaremos sobre a importância de realizar a manutenção da piscina no inverno. Mergulhe nas nossas dicas e se prepare para aproveitar a piscina o ano inteiro!

    Água verde: por que esse problema é comum no inverno?

    A cor verde na água da piscina é causada pela presença de algas. Se nada impedir o desenvolvimento dos microrganismos, eles se proliferam e dão essa coloração característica à água. Isso ocorre, sobretudo, em função da falta de tratamento ou devido à manutenção equivocada.

    No inverno, o problema ocorre com frequência em virtude das chuvas e dos ventos fortes que acabam gerando acúmulo de folhas, galhos e insetos na água. Além disso, na maioria das vezes, por desconhecimento sobre o assunto ou por falta de tempo, a manutenção da piscina e o balanceamento da água acabam sendo feitos de maneira indevida.

    A limpeza periódica e o tratamento da água são fundamentais para evitar a proliferação de algas e de larvas, que podem transformar a piscina em um potencial foco de doenças. Para ser benéfica ao banho, a água deve estar sempre límpida e cristalina. Além de ser um cuidado essencial para garantir o bem-estar de todos, a manutenção da piscina é importante para a sua saúde financeira, afinal, é mais barato manter tudo em dia do que realizar tratamentos de choque para tentar recuperar a qualidade da água.

    Como fazer a manutenção da piscina no inverno?

    Com relação à saúde da sua piscina, a prevenção é, sempre, a melhor solução. Por isso, é preciso realizar um tratamento contínuo e jamais abandonar a manutenção - mesmo durante o inverno. Confira algumas dicas para evitar a água verde:

    Não esvazie a piscina

    Todo mundo quer praticidade no dia a dia, certo? Esse desejo leva muita gente a pensar que a melhor maneira de manter a piscina no inverno livre de problemas é esvaziá-la.

    Na verdade, essa atitude pode trazer graves prejuízos à estrutura, independentemente do material. Nas piscinas de vinil, a falta de pressão do volume de água pode fazer com que o material se desloque das paredes – e se entrar água ou sujeita nesses vãos, isso é fonte de problemas e despesas. Nas de fibra, a pressão da terra pode levantar o fundo da piscina. Já nas de alvenaria o problema são as fissuras, que provocam vazamentos e fazem com que o revestimento de ladrilhos corra o risco de se soltar.

    Portanto, a manutenção da piscina é a melhor maneira de mantê-la sempre pronta e economizar, evitando reparos e investimentos desnecessários.

    Remova a sujeira

    Galhos, folhas e insetos que caem na piscina provocam turbidez e afetam a coloração da água; portanto, é fundamental recolher os resíduos.

    O procedimento é bastante simples: basta retirar os detritos com a peneira. Lembre-se de que é muito mais fácil fazer isso enquanto eles estão na superfície - ou seja, antes de eles se firmarem no fundo da piscina.

    Esfregar os azulejos e a borda também é importante, assim como aspirar o fundo da piscina. Dependendo da frequência de utilização, esse procedimento pode ser feito a cada 15 dias.

    Realize o tratamento químico da água com assiduidade

    Nos meses mais quentes do ano, os cuidados com a piscina devem ser redobrados devido ao seu uso mais frequente, mas ela também demanda atenção durante as outras estações.

    As algas vão se reproduzindo com assombrosa facilidade e constância e vão tornando cada vez mais verde a aparência da água. Portanto, é essencial realizar a manutenção da piscina regularmente.

    O pH e a alcalinidade devem ser medidos e, se necessário, corrigidos. Isso pode ser feito com a ajuda de medidores e de produtos específicos. O pH deve estar entre 7,2 e 7,6, e a alcalinidade entre 80 e 120 ppm (partes por milhão). Se você utiliza aquecedores, é importante saber que a água quente tem uma tendência a elevar o pH, consequentemente, é preciso fazer avaliações mais frequentes.

    O residual de cloro livre também deve ser monitorado por meio de estojos de testes. O seu nível ideal é entre 1,0 e 3,0 ppm.

    Não deixe a água parada

    A água parada é o ambiente ideal para a proliferação de algas e outros parasitas. A manutenção da piscina também exige que a água seja filtrada diariamente para mantê-la limpa e em constante movimento.

    Evidentemente, durante o inverno os equipamentos como bomba e filtro podem permanecer menos tempo ligados do que no verão - cerca de três horas por dia são suficientes.

    O tratamento contínuo facilita os processos, e também torna a manutenção mais barata, diminuindo o gasto com produtos químicos.

    Agora que você já sabe a importância da manutenção da piscina no inverno para evitar a indesejável água verde, que tal aprender outros cuidados necessários durante os meses mais frios? Até a próxima!

    [widget id="media_image-9"]

    O post Como a manutenção da piscina no inverno evita a água verde apareceu primeiro em Nautilus.

  2. Como curtir a piscina no inverno?

    03/07/2018 09:07

    Está sem tempo para ler? Ouça esse conteúdo dando play no áudio abaixo! Com a chegada dos dias mais frios, muitos já se despedem da piscina....
    Como curtir a piscina no inverno?
    Está sem tempo para ler? Ouça esse conteúdo dando play no áudio abaixo! Com a chegada dos dias mais frios, muitos já se despedem da piscina. Afinal, a água gelada não é tão convidativa para um mergulho! Felizmente existem diversas alternativas que nos permitem curtir a piscina também no inverno.

    Já imaginou a água da piscina quentinha, como a do chuveiro, ou, então, um agradável espaço para reunir amigos e familiares para encontros e pequenas celebrações? Sim, isso é possível!

    Se você já tem uma piscina em casa ou estava em dúvida sobre a validade desse investimento, saiba que, com alguns ajustes, você pode deixar tudo do jeito que merece e utilizar a piscina o ano inteiro, e tendo como consequência direta a valorização do seu imóvel.

    Pensando em tudo isso, no post de hoje, apresentamos algumas ideias para quebrar o gelo e curtir a piscina no inverno. Acompanhe a seguir.

    Utilize a área externa para encontros à beira da piscina durante o ano todo

    A queda da temperatura nem sempre significa uma temporada de descanso para o ambiente da piscina.

    Quando se tem um espaço bonito com um belo jardim, por exemplo, é possível utilizá-lo para encontros à beira da piscina. Que tal apostar nessa tendência? Decorar a área externa é sinônimo de conforto, além de ser excelente para dar o seu toque pessoal ao espaço, demonstrando seu bom gosto e expondo seu talento para harmonizar ambientes.

    Com uma iluminação caprichada, paisagismo bem planejado e itens decorativos, você cria uma atmosfera perfeita para celebrações ao ar livre junto a amigos e familiares.

    A organização desse tipo de evento é perfeita para que todos possam relaxar e construir boas recordações juntos! Recordações que muitas vezes permanecem vivas na lembranças por muitos e muitos anos.

    Se você ainda não possui uma piscina, pode buscar inspirações para inovar no projeto e criar ambientes modernos, bonitos e funcionais - que valorizarão seu imóvel e o tempo agradável que você passa ao lado de quem ama!

    Invista em equipamentos que proporcionem conforto em qualquer estação do ano

    Durante o inverno, muitas vezes, o uso da piscina se torna raro em função do frio. Será que existe solução para isso? Claro! É possível curtir os dias gelados no conforto do seu lar e aproveitar o investimento feito na piscina. Bastam alguns ajustes.

    Por exemplo, equipamentos de aquecimento, como aquecedores, bombas de calor e coletores solares são boas alternativas.

    As temperaturas mais baixas aquecem o mercado de produtos de piscina. Que tal aproveitar e buscar boas opções de investimento em equipamentos que permitirão usufruir do seu patrimônio durante todas as estações?

    Aposte no SPA para combater o frio e curtir a área da piscina no inverno

    Quando você pensa em mergulhar, certamente, associa isso a um belo dia de sol, não é mesmo? Pois saiba que no inverno isso também é possível! Ter um SPA em casa traz muitos benefícios, inclusive, ter mais conforto o ano inteiro.

    Essa alternativa traz mais qualidade de vida e bem-estar para o dia a dia, além de estar relacionada com diversos benefícios para a saúde, como melhora da circulação sanguínea e da pele, relaxamento e alívio da tensão do corpo e da mente.

    Sem falar que o contato com a água quentinha é uma delícia, não é mesmo?

    Encare o frio e fortaleça a sua saúde

    Se a chegada do verão leva muita gente para as piscinas, o inverno, normalmente, tem o papel inverso. Mas, ao contrário do que muitos pensam, a natação ajuda a manter a saúde no frio.

    Durante a estação, o ar mais seco faz uma vasoconstrição, que resulta na dificuldade de respiração. O frio faz com que as crises de asma, bronquite e demais doenças respiratórias se tornem mais frequentes e graves - por isso, a prática de exercícios é necessária para ativar a circulação – mesmo com as temperaturas mais baixas.

    Evidentemente, é preciso ter alguns cuidados, como se agasalhar ao sair da piscina, não ficar com a roupa molhada e secar bem cabelos e ouvidos.

    Viu só como existem alternativas para curtir a piscina no inverno? Se você já tem essa opção de lazer, pode realizar alguns dos ajustes que sugerimos, pois eles certamente ajudarão no seu conforto e qualidade de vida.

    Entretanto, se quer ter uma piscina em casa e não sabe por onde começar, que tal pedir ajuda para profissionais que tornarão o seu projeto perfeito para ser utilizado o ano inteiro?

    E você, como faz para curtir a piscina no inverno? Tem alguma dica para compartilhar? Deixe um comentário e até a próxima!

    [widget id="media_image-9"]

    O post Como curtir a piscina no inverno? apareceu primeiro em Nautilus.

  3. Por que um imóvel com piscina tem mais valor de mercado?

    27/06/2018 11:06

    Nas últimas décadas a sociedade vem experimentando mudanças comportamentais profundas e voltadas cada vez mais para o grupo familiar e a...
    Por que um imóvel com piscina tem mais valor de mercado?

    Nas últimas décadas a sociedade vem experimentando mudanças comportamentais profundas e voltadas cada vez mais para o grupo familiar e a convivência com amigos. Passamos a valorizar de forma mais intensa atributos como a sustentabilidade, a diversidade e a conveniência, e quando analisamos as mudanças no âmbito das moradias, segurança e conforto estão entre as prioridades.

    Nesse contexto, ter um imóvel com piscina passou a ser uma opção mais viável e desejada, uma vez que ela propicia momentos de relaxamento, diversão e lazer - tudo no conforto do lar. A piscina traz também um outro benefício importante: a valorização do imóvel.

    Quer saber mais sobre como ter um imóvel com piscina pode valorizar sua propriedade e seu bem-estar? Acompanhe. 

    Por que ter um imóvel com piscina?

    Ter um cantinho refrescante em casa tem o seu valor. Além de promover momentos de lazer com a sua família, você terá à disposição um espaço só seu, com a segurança e a privacidade do seu jardim, para usufruir quando quiser.

    Seja em condomínio fechado ou dentro do seu próprio quintal, chegar em casa cansado do trabalho e dar um mergulho transforma completamente sua rotina, ajudando a eliminar o estresse e a melhorar sua qualidade de vida.

    Esse espaço também pode ser utilizado para a realização de exercícios físicos importantes para a sua saúde e a de sua família, incluindo idosos, como a natação e, ainda, para momentos de pura descontração, recebendo seus amigos em uma animada festa na piscina.

    E como se todos esses benefícios já não bastassem, há outra grande vantagem em ter uma piscina em casa: ela ajuda a valorizar o seu imóvel, como veremos a seguir.

    Como a piscina ajuda a valorizar um imóvel?

    A piscina traz um diferencial de grande apelo familiar: ela “agrega felicidade aos moradores”.

    Por essa razão, estima-se que ter esse espaço dentro do seu terreno valoriza em até 45% o imóvel. Isso graças a todas as comodidades que entram junto a esse investimento, como as que vimos anteriormente.

    Dessa forma, ter uma piscina em casa é uma das melhores maneiras de investir na valorização do imóvel, afinal, a dificuldade de deslocamento, a escassez de tempo, a procura por alternativas mais seguras, relacionadas à qualidade de vida e à construção de bons momentos em família favorecem a busca por imóveis que possibilitem essas facilidades no conforto do próprio lar.

    Isso quer dizer que, quando você optar pela mudança, seu imóvel terá um diferencial importante para o mercado, valorizando o investimento realizado na sua aquisição. As áreas de lazer, como a piscina, costumam agradar famílias com crianças e quem busca uma melhor qualidade de vida.

    Não é ótimo ter um bem que você possa usufruir plenamente e que ainda vai gerar retorno financeiro para você? Caso você tenha pouco espaço em casa, a solução é optar por um SPA, que também valorizará seu imóvel e vai proporcionar momentos tão bons quanto na piscina.

    Os itens que elevam o status do seu imóvel com piscina

    Se você optou por incrementar seu jardim com uma piscina, saiba que é fácil começar a colocar sua ideia em prática. Para valorizar e transformar esse espaço em um ambiente prazeroso e perfeito para ser curtido por você e sua família, pense em investir em uma decoração agradável para o jardim, complementando o espaço em que ficará sua nova piscina. Peça ajuda a profissionais de paisagismo e crie cantinhos interessantes, usando folhagens que combinem com o mood tropical do espaço.

    Quem sabe uma mesa de jardim ou uma área gourmet no espaço, o transformando em um convite perfeito para um jantar ao ar livre ou um almoço em família? Ou, então, uma iluminação que faça o lugar parecer um luau? Tudo isso valoriza sua casa e a torna ainda mais atrativa e aconchegante.

    Assim, ter um imóvel com piscina é uma das melhores maneiras de investir na valorização do seu investimento. Além de ser uma opção de lazer que une diferentes idades, a prática de esportes e a curtição do final de semana são uma ótima maneira de evitar a perda de tempo ao se sair de casa em busca de opções de lazer. Afinal, tudo está no seu próprio pátio.

    Quer saber mais sobre o tema e entender como ter uma piscina ou SPA que valorize seu imóvel? Baixe agora nosso Ebook completo sobre valorização de imóveis e até a próxima. 

    [widget id="media_image-10"]

    O post Por que um imóvel com piscina tem mais valor de mercado? apareceu primeiro em Nautilus.

  4. Quero ter uma piscina em casa: por onde começar?

    04/06/2018 14:06

    Está sem tempo para ler? Ouça esse conteúdo dando play no áudio abaixo! É fato científico que a temperatura vem se elevando em todo o mundo e...
    Quero ter uma piscina em casa: por onde começar?
    Está sem tempo para ler? Ouça esse conteúdo dando play no áudio abaixo!

    É fato científico que a temperatura vem se elevando em todo o mundo e cada ano a sensação de calor excessivo tem chegado com maior intensidade até a países tropicais como o nosso.

    Esse estresse físico e mental vem tornando a existência de uma piscina em casa não um sonho distante, mas uma necessidade imperiosa em busca de alívio para o calor e oportunidade de diversão junto com os familiares e amigos no momento em que se deseje.

    O que era visto como luxo há alguns anos, hoje, é sinônimo de bem-estar, qualidade de vida, conforto e praticidade. Além de ser uma excelente opção de lazer, ter uma piscina em casa traz diversas vantagens, como incentivo ao convívio familiar, possibilidade de praticar exercícios sem sair do lar, manter os filhos por perto e uma incrível valorização do seu imóvel, entre outros benefícios. Embora seja um desejo natural de boa parte das pessoas, no momento de decidir é comum o surgimento de uma série de perguntas a respeito. O que eu preciso saber? O que eu não posso desconhecer? Qual modelo escolher? Grande, média ou pequena? Como fazer a decoração dos espaços ao redor? E você logo pensa: "Quero ter uma piscina em casa, mas não sei por onde começar". Para ajudar você a decidir de forma correta, preparamos uma série de sugestões, passo a passo. Acompanhe.

    Quero ter uma piscina em casa

    1º passo: encontrar o profissional ideal

    O primeiro passo para ter uma piscina em casa é aceitar que você vai precisar de ajuda. Por mais talento que você tenha, se não é ligado ao ramo jamais arrisque o “faça você mesmo”, pois a falta de profissionais especializados pode trazer prejuízos financeiros e colocar em risco a segurança de todos.

    O planejamento de uma piscina envolve muitas questões importantes, e um projeto mal executado, que não esteja de acordo com as normas técnicas ou até com a rígida legislação que norteia o setor,  pode trazer uma série de complicações.

    Um arquiteto ou engenheiro acompanhando o processo é o segredo para uma obra tranquila, de qualidade e que alcance os resultados pretendidos. Esse profissional deve estar presente em todas as etapas: concepção, preparo do terreno, projeto, instalação, execução e até manutenção do funcionamento de forma ideal e econômica. Assim, você evitará gastos extras com correções desnecessárias.

    O olhar experiente e o conhecimento do profissional são fundamentais para o bom funcionamento e para a escolha de acabamentos e revestimentos que favoreçam um ambiente seguro. O resultado? Uma área de lazer que traga todos os benefícios que você sonhou, e não dores de cabeça!

    Ter uma piscina em casa é uma decisão importante para todos os membros da família. Ela vai trazer muita união entre todos, muita alegria, oportunidades de divertimento em grupo, troca de energias positivas, revigoramento corporal e astral, sensação de estarem realizados e de bem com a vida.

    2º passo: elaborar o projeto arquitetônico

    Para ter uma piscina em casa, é preciso decidir com antecedência alguns pontos importantes. A construção da piscina envolve muito planejamento antecipado para que o resultado final seja plenamente satisfatório.

    Entre eles, por exemplo, perfil dos usuários, se precisa atender a pessoas com limitações de movimentos ou idosos, divertimentos que se pretende ter dentro e ao redor da piscina, etc. São detalhes que determinarão as dimensões, profundidade, formato, escadas, revestimento, decoração, pontos e focos de iluminação, posição e tamanho da casa de máquinas, entre outros.

    A construção da piscina envolve muito planejamento para que o resultado final seja satisfatório. Novamente, nessa etapa, é essencial contar com o auxílio de um profissional. Um arquiteto ou engenheiro saberá o tipo de piscina mais adequado e a melhor maneira de preparar o terreno para recebê-la.

    3º passo: escolher a sua piscina

    Muita gente acredita que ter uma piscina em casa consiste em escolher entre opções padronizadas e que o fator decisório é o preço. Na verdade, é possível inovar no seu projeto e criar ambientes únicos! Tudo isso começa com a decisão do material construtivo da piscina. Veja a seguir algumas possibilidades:

    • Fibra de vidro: a preparação do terreno é mais simples, tornando a obra mais rápida e barata. As ações do tempo e dos produtos químicos resultam em desgastes na pintura. A durabilidade do material é inferior à do concreto, mas, quando bem instalada e com manutenção contínua, a vida útil pode ser maior. As piscinas de fibra de vidro são mais baratas, porém, em tamanhos e formatos predefinidos.
    • Vinil: uma piscina de vinil é uma boa escolha, avaliando custo-benefício, pois apresenta variações estéticas, modulações e o material é impermeável, o que a faz ter boa durabilidade. Também oferecem a possibilidade de mudar todo o visual quando se resolve trocar o vinil.
    • Concreto: piscinas de concreto são as preferidas dos arquitetos, devido à infinidade de possibilidades. O material permite que a piscina seja projetada em diferentes tamanhos, acabamentos e modelos, e é bastante durável. Evidentemente, o prazo da obra é maior, bem como o investimento necessário.

    4º passo: determinar o tamanho da piscina

    Outra decisão importante para quem deseja ter uma piscina em casa é o tamanho dela. Para isso, é preciso considerar a quantidade de usuários e as dimensões do terreno. Lembre-se de que, além da piscina, é necessário um espaço para a casa de máquinas, área destinada para equipamentos, como a motobomba, por exemplo.

    5º passo: planejar o projeto paisagístico da piscina em casa

    O projeto da sua piscina também deve considerar o elemento paisagístico. A decoração da área ao redor da piscina deixa o espaço funcional e muito mais bonito.

    Aqui, novamente, é interessante considerar o auxílio de um profissional, pois ele ajudará a definir os tipos de móveis, como será o jardim, a melhor estratégia para ter uma iluminação assertiva e outras questões que deixarão seu projeto seguro, único e encantador!

    6º passo: exigir equipamentos de segurança, sempre.

    O profissional especializado conhece as leis que regulamentam o setor e a importância da segurança em uma piscina e deve ser ouvido com toda atenção. Cada detalhe deve ser considerado importante na sua decisão. Como, por exemplo, quantidade e tipos de ralos de fundo, skimmers, sistemas de segurança automáticos, areia filtrante ou zeólita – pó extraído de rochas vulcânicas que filtra partículas oito vezes menores que as retidas pela areia, geradores de cloro (vale a pena conhecer as enormes vantagens proporcionadas por esse equipamento de alta tecnologia), bombas de calor e/ou placas coletoras solares, cascatas, iluminação de led’s coloridos, jatos de hidromassagem, etc. O Projeto de Lei nº 71/2014 – aprovado pelo Senado Federal em 21/09/2017, surge para regulamentar o funcionamento de piscinas públicas ou particulares, priorizando a segurança. A proposta torna obrigatória a instalação de um dispositivo que evite a sucção de membros do corpo ou cabelos pelo ralo ou outro dispositivo de sucção da piscina, exigindo a instalação de um equipamento que permita a interrupção imediata do sistema de bombeamento. Segurança, acima de tudo, é uma questão de amor. Todas as ações de prevenção de acidentes devem ser tomadas para que o usuário construa somente boas lembranças durante anos seguidos de divertimento na piscina.

    Planeje com cuidado e aproveite o que a vida tem de melhor.

    Como você vê, é preciso planejar com critério e contar com a ajuda de profissionais. Assim, a piscina será um item de diferenciação e valorização do seu imóvel, além de proporcionar momentos únicos de descontração, alegria e lazer! Comece agora mesmo a pesquisar e escolha os profissionais capazes de transformar em realidade seu sonho de ter uma piscina em casa, disponível a qualquer hora do dia ou da noite, para acabar com o desconforto do calor ou para relaxar e reorganizar as energias do corpo e da mente. Siga seus instintos, tenha uma piscina em sua casa. Ainda existe algo a perguntar ou alguma dica a compartilhar? Deixe um comentário e até a próxima! [widget id="media_image-10"]

    O post Quero ter uma piscina em casa: por onde começar? apareceu primeiro em Nautilus.

  5. 4 dicas para você aproveitar a piscina em família

    02/05/2018 18:05

    Está sem tempo para ler este texto? Ouça-o dando play no áudio abaixo! Existe algo melhor do que poder ter bons momentos na companhia de quem...
    4 dicas para você aproveitar a piscina em família
    Está sem tempo para ler este texto? Ouça-o dando play no áudio abaixo!

    Existe algo melhor do que poder ter bons momentos na companhia de quem você mais ama? Trabalho, escola, agendas lotadas, manutenção da casa: são tantas atividades que parece cada vez mais difícil reservar um tempo para a família, não é mesmo? Mas, com planejamento e organização isso é possível. E uma das melhores maneiras é aproveitar a piscina em família.

    Ter uma piscina em casa é excelente para incentivar o convívio familiar, relaxar, manter os filhos por perto e se exercitar. Pensando nisso, preparamos algumas dicas para você poder aproveitar ao máximo sua piscina durante o ano todo. Quer saber mais? Confira a seguir!

    #1 Mantenha o tratamento da água sempre em dia

    Quando falamos em aproveitar a piscina em família, pensamos rapidamente em diversão e brincadeiras. Entretanto, é preciso se lembrar da limpeza, também.

    Você não gosta de entrar em uma piscina suja ou com aspecto de abandonada, certo? Então, para que a aparência da sua piscina fique sempre convidativa e limpa, é preciso caprichar no tratamento da água.

    Para que sua piscina esteja sempre pronta para uso, é fundamental escolher os produtos corretamente. E essa é uma grande dificuldade na hora de comprá-los, afinal, existem diversas opções, certo? Para manter essa parte da sua casa devidamente cuidada, alguns produtos são indispensáveis.

    O correto tratamento da água evita a proliferação de microrganismos e bactérias, garantindo saúde e bem-estar. Se você não dispõe de tempo para se dedicar à manutenção da água, contratar um piscineiro ou adotar o tratamento automatizado dos processos de limpeza utilizando o gerador de cloro, por exemplo, são excelentes alternativas.

    #2 Tenha equipamentos de segurança em casa

    Certamente, você busca as melhores alternativas para manter o conforto e a segurança dos membros do seu lar. E é claro que isso não é diferente para aproveitar a piscina em família, afinal, esse ambiente é perfeito para ter momentos de lazer, relaxamento e descontração.

    Quem tem pets, idosos, crianças ou pessoas com deficiência na família deve redobrar os cuidados e fazer os ajustes necessários, como a compra de colete salva-vidas, instalação de grade e de piso antiderrapante, por exemplo, para manter essa parte da casa mais segura.

    A iluminação da piscina, além de ser fundamental para a decoração e o paisagismo, também é um item de segurança. O correto posicionamento de acessórios ajuda a melhorar a visibilidade e a evitar acidentes.

    Para completar a lista de equipamentos e acessórios de segurança em casa, que tal um equipamento que realiza o monitoramento do fluxo de água e detecta obstruções e bloqueios nos dispositivos de sucção? O SafeSwim realiza o desligamento instantâneo da motobomba ao sinal de qualquer bloqueio ou aprisionamento nos dispositivos de sucção (ralos de fundo, ou skimmers) ou de aspiração, promovendo um ambiente mais seguro para aproveitar a piscina em família.

    #3 Invista em equipamentos que proporcionem conforto em qualquer estação do ano

    Quando você pensa em piscina, a imagem que vem logo à cabeça está associada a um dia quente e ensolarado, não é mesmo? Mas, e no inverno? Para quem tem piscina em casa, com alguns ajustes, a temporada de férias pode durar o ano inteiro, mesmo nas estações mais frias.

    Equipamentos de aquecimento, como bombas de calor e coletores solares são boas alternativas para aproveitar a piscina em família durante o ano todo.

    Além disso, ter um SPA em casa traz muitos benefícios relacionados à qualidade de vida e à saúde - essa é uma boa estratégia para ter conforto em qualquer estação do ano.

    #4 Dica extra: festa e brincadeiras para aproveitar a piscina em família

    Para completar a diversão e aproveitar ao máximo sua piscina, que tal fazer celebrações ao ar livre e reunir os amigos e familiares? Uma festa é excelente para que todos possam relaxar e aproveitar!

    Capriche na organização de brincadeiras seguras para a criançada. Assim, vocês construirão boas recordações juntos!

    Você gostou das nossas dicas para toda a família aproveitar ao máximo sua piscina? Tem alguma ideia para compartilhar? Comente e participe.

    [widget id="media_image-6"]

    O post 4 dicas para você aproveitar a piscina em família apareceu primeiro em Nautilus.

  6. Conheça a história da Nautilus

    27/04/2018 10:04

    A Nautilus é uma empresa brasileira especializada no desenvolvimento, na fabricação e comercialização de equipamentos para piscinas e SPA. Desde...
    Conheça a história da Nautilus

    A Nautilus é uma empresa brasileira especializada no desenvolvimento, na fabricação e comercialização de equipamentos para piscinas e SPA. Desde a sua fundação, em 1984, a empresa se destaca no mercado pela inovação e tecnologia de seus equipamentos. Por esse motivo, a Nautilus tem grande tradição e pioneirismo em filtros e motobombas.

    Com uma reputação sólida, construída por meio da mais alta tecnologia e qualidade, a empresa é uma das mais respeitadas no ramo de lazer e bem-estar no país.

    Quer conhecer mais a respeito da Nautilus? No post de hoje, abriremos nosso álbum de memórias para compartilhar com você nossas principais conquistas. Vamos lá?

    Nautilus: inovação no mercado desde sua fundação

    A Nautilus tem como objetivo disponibilizar produtos e serviços para momentos de lazer, que tragam mais conforto e bem-estar aos seus usuários. Por isso, desde a sua fundação, uma das maiores preocupações da organização é buscar o que há de melhor e mais moderno para atender seus clientes.

    A evolução proporcionada no mercado de piscinas é resultado da experiência em desenvolver tecnologias, da tradição e da visão de futuro da empresa. A Nautilus foi a primeira empresa no país a desenvolver e produzir bombas de calor para aquecimento de água de piscinas e filtros rotomoldados.

    Antes de fundar a Nautilus, José Eduardo Reis de Oliveira trabalhou como office boy. Alguns anos depois, teve a oportunidade de trabalhar como vendedor de bombas hidráulicas na Jacuzzi, e seus conhecimentos sobre o setor foram aprofundados após ter passado pelas empresas Mark e Darka.

    Aos 44 anos, o fundador da Nautilus ingressou na faculdade de Direito, seguindo a tradição da família, e, quando acreditava que seu futuro era na magistratura, teve a oportunidade de comprar a Max Equipamentos para Piscinas e virar empresário.

    Na época, a Max era focada na produção de dispositivos e acessórios utilizados na construção e manutenção de piscinas. Em 1984, José Eduardo rebatizou a empresa e mudou o ramo do negócio, passando a produzir filtros e bombas. Desde o início, o fundador da Nautilus contou com a ajuda especializada e o amplo conhecimento técnico de um antigo funcionário da Max, Pedro Sanches Sardinha, que logo foi promovido a sócio da Nautilus.

    No início, a tecnologia utilizada na produção dos equipamentos era a mesma aplicada pelos concorrentes, mas logo a dupla conseguiu inovar e, em 1989, lançou o primeiro filtro para piscinas em polietileno retomoldado, sendo a primeira empresa no Brasil a adotar essa solução, que não sofria processo corrosivo por conta do contato com o cloro, sendo confeccionada em material que garante maior segurança, durabilidade, resistência, confiabilidade e desempenho.

    De lá para cá, a Nautilus se tornou uma autoridade em produtos inovadores tanto no visual quanto na tecnologia, sendo hoje um nome internacionalmente conhecido e respeitado como desenvolvedora de equipamentos e acessórios de alta qualidade e confiabilidade, para filtração, tratamento, manutenção e aquecimento de água de piscinas através de revendas em todo o território nacional e América do Sul.

    Marcos na história da Nautilus

    A caminhada da empresa sempre teve como base introduzir novidades no mercado que atendam às necessidades dos consumidores. Confira, a seguir, alguns acontecimentos que marcaram a história da Nautilus:

    • 1984: fundação em SP produção de acessórios para piscinas.
    • 1986: Fabricação de filtros para piscinas com tanques em chapa de aço carbono ou fibra de vidro, com válvulas multivias e motobombas em ferro fundido.
    • 1989: Lançamento do modelo F350P, primeiro filtro para piscinas fabricado no Brasil em polietileno rotomoldado.
    • 1991: Instalação da fábrica em Atibaia, SP.
    • 1995: Lançamentos das válvulas multivias em ABS para uso em filtros para piscinas.
    • 1998: Primeira linha de Bombas de Calor produzida no Brasil, desenvolvida pela Nautilus para as condições do nosso mercado.
    • 2000: Lançamento da linha de Motobombas NBF, em ABS, para uso em piscinas.
    • 2002: Lançamento do modelo F1150P, o maior filtro em polietileno rotomoldado para uso em piscinas produzido no Brasil, com capacidade de 52m3/hora.
    • 2003: Lançamento do Gerador de Cloro, a partir do sal, para tratamento de água de piscinas.
    • 2004: Lançamento dos acessórios em ABS e do Filtro modelo F950P em polietileno rotomoldado, com capacidade de 35m3/hora.
    • 2005: Criação de cursos especializados para capacitação de todos os colaboradores.
    • 2007: Lançamento da linha de Bombas de Calor para aquecimento de água para banho.
    • 2008: Lançamento da linha de Coletores Solares para aquecimento de água de piscinas.
    • 2009: Criação da divisão comercial FASTERM, especializada em aquecimento inteligente de água para banho em hotéis, motéis, hospitais e condomínios, com economia surpreendente.  
    • 2013: Reposicionamento da marca, com novo conceito visual e ampliação das formas de comunicação.
          -    Lançamento da linha de refletores em tecnologia Super LED.
        -  Primeira marca brasileira a obter a Certificação de Seguridade Elétrica exigida pelo INMETRO, única no país com certificação para toda a linha de Bombas de Calor, recertificada anualmente.
        - Obtenção da Certificação ISO 9001, Qualidade dos Processos Produtivos, auditada anualmente.
          -   1º lugar no prêmio ANAPP – “Melhor fabricante de Filtros e Motobombas do Brasil”, eleita pelas revendas de piscinas de todo o país.
          -    Comemoração dos 30 anos da Nautilus. Inauguração da nova fábrica em Nazaré Paulista, SP. 
    • 2017: Lançamento da linha de refletores em tecnologia LED SMD.
          -    Fortes investimentos em Marketing Digital, fazendo da Nautilus referência em conteúdos ricos na internet.
    • 2018: Lançamento da linha de Segurança com o produto SafeSwim e novos modelos de Spas Nautilus Prime.
    • 2019: Comemoração dos 35 anos de realização do sonho Nautilus e dos 57 anos de experiência de mercado do sócio-diretor José Eduardo Reis de Oliveira.

    Sustentabilidade: um valor presente na história da Nautilus

    A Nautilus inovou também na categoria de aquecimento de água de piscinas, sendo a primeira empresa a desenvolver e produzir Bombas de Calor no Brasil, com tecnologia própria, para piscinas residenciais ou coletivas, para academias de natação, clubes, condomínios, hospitais e hotelaria. Equipamentos com baixo valor inicial, custo de manutenção zero, confiabilidade absoluta e respeito total à camada de ozônio do planeta. 

    Outro produto revolucionário da marca e voltado para a sustentabilidade é a Zeólita, elemento filtrante poroso extraído de rochas vulcânicas que substitui com inúmeras vantagens a areia nos filtros de piscinas, tendo capacidade de retenção de partículas sólidas oito vezes maior que os elementos convencionais. É ainda mais eficiente na retenção de partículas menores: enquanto a areia retém partículas de 20 micra, a zeólita retém partículas de até 5 micra. O meio ambiente agradece.

    Cuidados de quem se importa com a segurança e a satisfação dos consumidores e lojistas

    Desde o início das atividades, a Nautilus tem como principal preocupação a segurança e o bem-estar dos usuários de piscinas. Por esse motivo, desde a escolha dos materiais utilizados na produção dos equipamentos até o suporte prestado têm como objetivo oferecer as melhores soluções para que todos possam usufruir de momentos de lazer, sabendo que estão em boas mãos.

    A Nautilus segue como pioneira em inovação e segurança. O mais recente lançamento da marca é o Sistema SafeSwim, equipamento criado para evitar acidentes relacionados com sucção e afogamento. Ele monitora o fluxo de água de piscinas e spas e detecta obstruções e bloqueios nos dispositivos de sucção. Além disso, desliga imediatamente a motobomba ao sinal de qualquer bloqueio ou aprisionamento nos dispositivos de sucção (ralos de fundo ou skimmers) ou de aspiração.

    Além dos produtos, a empresa disponibiliza o Portal Nautilus de lazer e bem-estar com conteúdos desenvolvidos voltados à segurança e diversão dos consumidores. São dicas, informações, orientações e tudo o que os consumidores precisam saber a respeito de piscinas para poder relaxar e se divertir ainda mais.

    Ainda, a marca oferece uma assistência técnica diferenciada, com atendimento ágil e qualificado, oferecendo serviços de reparos em aparelhos de todas as marcas, nacionais ou importadas, com o conhecimento e a segurança que somente a Nautilus é capaz de garantir.

    E os profissionais não ficam de fora! Também são disponibilizados conteúdos e temas técnicos e informativos pensando nos piscineiros e lojistas. São produtos, informações e atendimento sempre de forma inovadora, leve e didática, visando manter um bom relacionamento com todos os seus públicos de interesse.

    Para a Nautilus, bem-estar é sinônimo de diversão. Por isso, segurança e inovação são prioridades por aqui. Assim, podemos oferecer soluções modernas que trazem mais praticidade, conforto e diversão para o dia a dia de todos!

    E você, já conhecia a história da Nautilus? Ficou com alguma dúvida? Deixe um comentário e até a próxima!

     

    [widget id="media_image-10"]

    O post Conheça a história da Nautilus apareceu primeiro em Nautilus.

Bem Vindo a Seção de Piscinas do Portal Nautilus.

Quando o assunto é piscina, a Nautilus oferece mais de 30 anos de tradição e inovação em uma extensa linha de produtos. Para que você aproveite o que realmente importa, estamos sempre desenvolvendo produtos para sua piscina, seja para construção de uma nova piscina ou uma reforma da piscina existente.Temos as informações mais relevantes para que você escolha a melhor solução. As piscinas podem ser classificadas de acordo com o seu tipo de construção (alvenaria, fibra ou vinil), perfil de uso (residencial ou coletivo / pública) ou tamanhos. Para cada tipo existem equipamentos específicos, que são dimensionados de acordo com as normas ABNT, o que garante total segurança aos usuários. São produtos desenvolvidos com a mais alta qualidade e que proporcionam eficiência, economia e bem-estar. Aqui você vai encontrar todas as informações importantes para escolher o produto ideal para sua necessidade, com informações técnicas de dimensionamento, características de instalação e muito mais!

Filtros, motobombas, bombas de calor, coletor solar, tratamento, dispositivos, acessórios, iluminação e muito mais.
Temos em nossa linha itens que uma piscina necessita para sua construção, como dispositivos de aspiração, dispositivos de retorno, ralos de fundo, etc, equipamentos para tratamento físico da água - a filtração, com filtros em polietileno rotomoldado e motobombas com motores elétricos da Weg, passando pelo tratamento químico, seja com equipamentos automáticos ou com produtos para dosagens manuais, chegando também nas soluções que proporcionam uma experiência com a piscina ainda mais prazerosa e confortável: equipamentos para aquecimento da água - as bombas de calor e o coletor solar. Você pode conhecer também os produtos que oferecem mais estilo e elegância na decoração do ambiente com a linha Super LED para iluminação de piscinas.

PISCINAS