A piscina da sua casa está pronta para ser usada?

Postado em: 26/12/2016 às 0:00

A piscina da sua casa está pronta para ser usada?

Com a chegada do verão e, em consequência, as férias escolares, nada como a família curtir o calor dentro da piscina. E, para aproveitar esses momentos gostosos, é preciso saber: a piscina está pronta para ser usada?

Essa é uma informação extremamente importante, pois o que realmente não queremos é ter dores de cabeça em razão da qualidade da água, ou qualquer outra questão ligada à piscina de casa.

Por isso, separamos algumas dicas importantes para você avaliar a melhor hora de realizar a manutenção da piscina da sua casa e, assim, ficar tranquilo para que você e sua família possam usar a piscina sem preocupação:

Verifique o filtro da piscina

Primeiramente, é indispensável avaliar o sistema de filtração da piscina: quais as condições da areia ou outro elemento filtrante; eles estão em condições de desempenhar o seu papel de remover as partículas em suspensão na água da piscina? É necessário trocar a areia ou lavar o elemento filtrante? Esses são questionamentos muito importantes e que devem ser observados antes mesmo de se permitir a utilização da piscina para uso.

A limpeza da piscina é fundamental

Após a checagem do sistema de filtração e verificar se ele está funcionando plenamente, agora é o momento para limpar a borda e aspirar o fundo da piscina e iniciar o processo de filtração. Para isso, é fundamental você ter produtos que não danifiquem a estrutura da piscina, ao mesmo tempo em que realizam efetivamente a limpeza da oleosidade e o acúmulo de sujeira.

Nas piscinas de concreto ou alvenaria, remova a infestação de algas presente nas juntas dos azulejos, fazendo uso de uma escova de aço inox, lembrando-se depois de aspirar o material decantado no fundo da piscina e de limpar a borda fazendo uso de produtos indicados para isso. Para piscinas de fibra ou vinil, as esponjas adequadas são as de nylon.

Ajustes químicos

Com o sistema de filtração operando normalmente e com a piscina devidamente limpa, é chegado o momento de verificar o equilíbrio químico da água e adotar um método de sanitização, etapas essas que vão garantir uma piscina agradável para usar e livre de bactérias e microrganismos indesejados.

Por isso é importante ficar atento aos seguintes elementos, bem como os seus níveis ideais:

Níveis de pH da água

O nível de pH indica o equilíbrio da água da piscina, o quão ácida ou alcalina está a água da piscina. É importante manter esse nível em torno de 7,2 a 7,6. E, para isso, deve-se usar produtos químicos que aumentam ou reduzem esse nível, de acordo com o número indicado na medição. Uma fita teste ou um kit teste são fundamentais para ajudá-lo nesse trabalho e, assim, manter os níveis de pH da água dentro dos parâmetros ideais

Alcalinidade total

A alcalinidade, de forma simplificada, é a capacidade da água da piscina em manter o pH estável. Portanto, a alcalinidade total corresponde à soma da alcalinidade produzida pelas substâncias químicas alcalinas dentro da piscina. Manter uma alcalinidade dentro dos parâmetros ideais contribui para evitar variações acentuadas do pH e, assim, manter a água equilibrada por mais tempo, o que contribui para que haja uma necessidade menor de correção do pH da água da piscina.

Para medir essa alcalinidade, faça uso de uma fita teste e, quando necessário, de produtos corretores da alcalinidade para manter os níveis recomendados para sua piscina.

Cloro

O cloro é um elemento sanitizante, ou seja, sua função é eliminar as bactérias ou outros microrganismos que contaminam a água. A quantidade do cloro a ser aplicada na água da piscina irá variar de acordo com uma série de fatores, mas principalmente em relação ao volume de água da piscina, a quantidade de sujeira (matéria orgânica) existente na água, a frequência de uso e a temperatura da água da piscina, assim como a quantidade de banhistas.

Se houver dúvidas quanto às dosagens e os produtos químicos recomendados, siga as orientações dos fabricantes dos produtos químicos ou solicite ajuda a um Revendedor de sua confiança. Se precisar de ajuda para encontrar uma loja, acesse: http://www.nautilus.ind.br/revendas.

Outra dica útil para a sanitização da água da piscina é a possibilidade de se utilizar um gerador de cloro na sua piscina, por ter um excelente custo-benefício, além de automatizar esse processo para você.

Esses são alguns dos pontos essenciais para você ficar de olho na manutenção da sua piscina e, assim, desfrutar tranquilamente dela, ao lado da sua família e daqueles que ama. Por isso, converse com o seu profissional de confiança e fique atento para deixar sua piscina sempre pronta para usar!

Ebook Cuidados com as Piscinas no inverno

Comentários